Por que fidelizar clientes vale a pena?

O mercado está cada vez mais competitivo, por isso fidelizar clientes pode ser o que vai fazer o seu negócio superar crises. Pois isso fará os clientes comprarem mais e com maior frequência.

Vencendo a concorrência ao fidelizar

Concorrência é uma palavrinha que faz as pernas de muitos tremerem, e não é sem razão. Os concorrentes podem sim afetar o seu faturamento. Os clientes fidelizados dificilmente irão olhar para o concorrente, pois confiam na qualidade daquilo que você produz e também já construiu um vínculo emocional com a empresa.

Os clientes QUEREM comprar de você

A parte mais difícil da venda é convencer o cliente que seu produto é necessário para ele. A maioria das pessoas não querem comprar, elas não querem gastar dinheiro, especialmente neste momento de crise econômica.

Por isso, o despertar o desejo das pessoas é muito difícil. É mais fácil e mais barato manter um interesse que já foi despertado, do que precisar convencer as pessoas o tempo todo. Esse convencimento é necessário, mas manter a fidelidade trará mais tranquilidade e segurança econômica. Pois, provocará o aumento contínuo de vendas.

O cliente fiel divulga a sua marca

Aquele marketing face to face é o melhor e mais eficiente de todos! O clientes atuais falarão de todos os benefícios do seu produto/serviço para as pessoas que confiam neles. Com isso, novos clientes surgem e aparece uma nova chance de fidelizar, repetindo este ciclo.

Agrega valor ao seu produto/serviço

O cliente que foi fidelizado já não está mais tão preocupado com o valor do produto, pois ele sabe que é um investimento, não um gasto qualquer. Então, as pequenas oscilações de preço, que sempre ocorrem devido aos ciclos econômicos, não irão interferir muito nos lucros da empresa.

Além disso, um valor emocional é atribuído naturalmente. O serviço/produto passa a ser sinônimo de coisas como: bem-estar, beleza, segurança. autocuidado, felicidade, entre outros.

Saiba como construir vínculo com seus cliente neste link.

Há 10 meses atrás
Facebook Twitter YouTube LinkedIn Instagram